Categorias
Mundo

Urgente: Ataque durante missa de Pentecostes deixa ao menos 50 mortos na Nigéria

Homens armados invadiram hoje, 5 de junho, Solenidade de Pentecostes, a Igreja de São Francisco, na cidade de Owo, no estado de Ondo, Nigéria, matando e ferindo fiéis.

 De acordo com a polícia local, os criminosos mataram 50 fiéis e deixaram vários outros feridos. Entre as vítimas estão mulheres e crianças. Imagens e vídeos postados nas redes sociais mostram o massacre. Vários usuários acusam os Fulani, etnia majoritariamente muçulmana.

A identidade e o motivo dos responsáveis pelo ataque não ficaram imediatamente claros.

“É tão triste que, enquanto a Santa Missa estava acontecendo, homens armados desconhecidos atacaram a Igreja Católica de São Francisco, deixando muitos temidos mortos e muitos outros feridos e a Igreja violada”, disse o porta-voz da Igreja Católica na Nigéria, reverendo Augustine Ikwu.

Ikwu disse que o bispo e os padres da paróquia sobreviveram ilesos ao ataque.

O governador de Ondo, Arakunrin Akeredolu, se disse profundamente triste com o ataque. No Twitter, classificou-o como “vil e satânico”.

Akeredolu disse que “é um ataque calculado ao povo pacífico do Reino de Owo, que tem desfrutado de relativa paz ao longo dos anos”.

Leia também
“Na África está o futuro da Igreja Católica”

Afirmou ainda que estava em contato com dom Jude Ayodeji Arogundade, Bispo de Ondo.

Akeredolu disse que as autoridades civis “vai destinar todos os recursos disponíveis para caçar esses agressores e fazê-los pagar”.

“Nunca nos curvaremos às maquinações de elementos implacáveis ​​em nossa determinação de livrar nosso estado dos criminosos”, disse ele.

Leia também
O MARTÍRIO DOS CRISTÃOS NA NIGÉRIA CONTINUA