Categorias
Aborto

Cardeal Burke: Políticos que apoiam o aborto e ideologia de gênero não podem comungar

 

Em uma entrevista à Fox News, o cardeal Raymond Burke lembrou que os políticos que afirmam ser católicos e, por sua vez, apoiam o aborto e a ideologia de gênero não devem fazer a comunhão e, se comungam, cometem sacrilégio grave.

O cardeal assegurou que falou “com líderes governamentais não católicos dos Estados Unidos, que disseram estar convencidos de que o ensino católico sobre o aborto e o chamado casamento entre pessoas do mesmo sexo mudou porque muitos católicos no Capitólio dos EUA (centro legislativo do Estado americano) regularmente apoiam esse tipo de legislação. E isso é um escândalo .

O cardeal falou explicitamente do candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, cuja evolução pessoal a favor do aborto vem crescendo com o tempo. Prova disso é que durante décadas ele se opôs à Emenda Hyde, que facilitava o financiamento do aborto com dinheiro público, aludindo justamente à sua fé católica e posteriormente passou a apoiá-la.

Burke indicou que negar a esses políticos católicos o acesso à comunhão “não é uma punição. Na verdade, é um favor a essas pessoas dizer-lhes que não se aproximem para receber a comunhão , porque se elas se aproximam, cometem um sacrilégio grave.

Traduzido de InfoCatólica