Categorias
Vaticano

Bento XVI não morreu. Mensagem falsa sobre sua morte circula nas redes sociais.

Bento XVI está vivo. Os rumores sobre a morte de Bento XVI que circularam nas redes sociais e nos meios de comunicação internacionais, incluindo alguns meios católicos, são falsos.

Por ACI Digital – O boato foi espalhado por uma conta no Twitter que usava o nome do presidente da Conferência Episcopal Alemã, Dom Georg Bätzing: @BischofBatzing.

No entanto, minutos depois de publicar o anúncio da suposta morte de Bento XVI em vários idiomas, a conta que dizia pertencer a Bätzing escreveu: “Conta falsa criada pelo jornalista italiano Tommasso Debenedetti”.

Desde que @BischofBatzing tuitou mensagens admitindo ser uma conta falsa, perdeu cerca de 5 mil seguidores no Twitter em questão de minutos.

Não é a primeira vez que o suposto jornalista italiano Tommasso Debenedetti usa contas falsas de bispos e cardeais católicos para divulgar a notícia falsa da morte de Bento XVI. Anteriormente, criou contas em nome do cardeal Rubén Salazar, arcebispo emérito de Bogotá; cardeal Juan Luis Cipriani, arcebispo emérito de Lima, Peru; e do arcebispo de Tegucigalpa, Honduras, cardeal Óscar Rodríguez Maradiaga.

Também espalhou notícias falsas sobre a morte de figuras políticas e do mundo da literatura, como o ganhador do Prêmio Nobel Mario Vargas Llosa e Isabel Allende.

Leia também
Papa Bento XVI nos ensina os 10 Erros da Teologia da Libertação