Categorias
Brasil

Arquidiocese de SP emite nota de esclarecimento sobre “casamento” de homem e nove mulheres

Jornal O Globo espalha fake news ao afirmar que casamento foi realizado por padre católico.

A Arquidiocese de São Paulo emitiu nesta sexta-feira (19) uma nota de esclarecimento em resposta a uma reportagem intitulada “Após recusa de mais de 80 igrejas, casamento de brasileiro com nove mulheres teve cerimônia realizada por padre em SP”.

De acordo com a Arquidiocese, a reportagem publicada pelo jornal O Globo em 16 de agosto e replicada por outros jornais espalha uma fake news ao afirmar que a cerimônia foi realizada por um padre católico.

A suposta cerimônia de casamento não foi realizada em uma igreja católica e nem por um padre católico apostólico romano, visto que a doutrina não admite a poligamia nem qualquer forma de “bênção simbólica”, que possa simular a celebração do casamento religioso, além do fato de que, no Brasil, a poligamia é considerada crime.

Leia a nota de esclarecimento na íntegra:

ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO VICARIATO EPISCOPAL PARA COMUNICAÇÃO
NOTA DE ESCLARECIMENTO


Sobre a reportagem intitulada “Após recusa de mais de 80 igrejas, casamento de brasileiro com nove mulheres teve cerimônia realizada por padre em SP”, publicada pelo site do jornal O Globo, em 16 de agosto de 2022, a arquidiocese de São Paulo esclarece que a informação não corresponde com a verdade.

Ao contrário do que foi noticiado, o “fato” relatado na matéria não ocorreu em uma igreja católica, tampouco foi realizado por um padre católico apostólico romano. A doutrina católica sobre o casamento não admite a poligamia, nem qualquer forma de “bênção simbólica”, que possa simular a celebração do casamento religioso.

Leia também
Entenda a doutrina da Igreja acerca de casamentos inválidos, nulidade, divórcio e segunda união

Leia também
Deputados das bancadas Católica, Evangélica e Militar protestaram contra projeto de incesto e poligamia