Categorias
Família

Não se case na Igreja… sem antes ler este texto

 

Um texto sobre casamento que se tornou viral na internet, gerou tensão entre os católicos ao apresentar diversos pontos da doutrina católica que seriam um impedimento para contrair o sacramento do matrimônio.

São pontos tão sensíveis do aspecto doutrinário que podem ser motivo para nulidade do matrimônio, ou mesmo uma falta grave daqueles que cometem o ato.

Alertamos que este texto não tem intenção de desmotivar os católicos a contraírem o sacramento do matrimônio, mas de alertar a orientação da igreja acerca de pontos importantes da Doutrina que todo católico deve seguir.

Veja abaixo uma lista com mais de 20 objeções para não contrair o Sacramento do Matrimônio:

Não se case na Igreja Católica:
Se você prefere ter um animal de estimação no lugar dos filhos. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você não quer ter filhos ou pretende limitar sua prole. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você não quer estar sempre aberto à vida na hora do relacionamento conjugal. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você está pensando em operar (Fazer laqueadura/Vasectomia). (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você ainda pretende fazer uso de pílulas anticoncepcionais. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você ainda quer pretende fazer uso de camisinhas ou tomar injeções para não engravidar. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você não está disposto a dar testemunho para que seu filho viva a Fé Católica. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você não estiver pronto para se unir em um só corpo com seu cônjuge.

Não se case na Igreja Católica:
Se você pretende continuar vivendo como se estivesse solteiro.

Não se case na Igreja Católica:
Se você prefere dar prioridade à sua vida profissional do que sua família.

Não se case na Igreja Católica:
Se você não quer ser fiel e casto dentro do seu estado de vida. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você pretende fazer Fertilização In Vitro. (pecado grave)

Não se case na Igreja Católica:
Se você pensa apenas em fugir do rabo da saia da mãe.

Não se case na Igreja Católica:
Se você não quer casar por amor, e sim status.

Não se case na Igreja Católica:
Apenas para ter uma festa de casamento.

Não se case na Igreja Católica:
Se para você casamento significa apenas sexo.

Não se case na Igreja Católica:
Se mesmo antes do casamento você já vê o divórcio como uma opção.

Não se case na Igreja Católica:
Se estiver sendo pressionado a se casar por algum motivo.

Não se case na Igreja Católica:
Se o motivo do casamento for porque engravidou sem querer.

Não se case na Igreja Católica:
Se ainda quer viver no individualismo.

Não se case na Igreja Católica:
Se você é pró aborto. (pecado grave)

Enfim, não se case na Igreja Católica se não pretende viver como Católico.

(Texto adaptado do original encontrado na internet)

PARA SE CASAR É PRECISO TER VOCAÇÃO

Existem muitos tipos de vocações, porém existe uma vocação universal para que todos somos chamados: A Santidade.

A santidade consistem em CONHECER, AMAR E SERVIR A DEUS.

Deus nos chama a servi-Lo de muitos modos…

  • Através da vocação de especial consagração: Sacerdócio, Vida Religiosa, Vida Missionária
  • Através da formação de uma família: Matrimônio.
  • Ou mesmo como solteiros: Celibatários.

Para todas as vocações é preciso estar aberto para fazer a vontade de Deus.

Todas as vocações exigem sacrifícios… Para os que consagram a virgindade, como os celibatários ou os consagrados, um dos principais sacrifícios é abster-se do ato sexual.

Já os casados podem desfrutar do ato sexual, contudo esse ato sexual têm consequências, que são os filhos.

A principal missão dos casados é conduzir os filhos rumo à Santidade!