Categorias
CNBB

Católicos celebram São José de fora da Igreja na arquidiocese do Presidente da CNBB

 

Um grupo de fiéis se reuniu em frente a igreja para poder encerrar a novena e comemorar a solenidade de São José na cidade Belo Horizonte em Minas Gerais. Veja algumas fotos no final da matéria.

Eles também rezam para que o arcebispo, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, que também é o presidente da CNBB, mude de posição e permita que os fiéis voltem a participar das celebrações, uma vez que o governo do estado já liberou, pois considera as atividades religiosas como essenciais.

Pelas redes sociais eles fizeram o seguinte comentário:

“Estivemos rezando frente a Igreja São José em BH, enquanto fazíamos a Via Sacra como que prisioneiros, torturados na fé por um Clero ateu, sucessores de Judas, do lado de fora da Igreja com uma centena de fiéis que demonstraram sua fé, lá dentro os “amigos do rei” faziam cena para a televisão ver… enquanto faziam um Santuário de enfeite, as almas se perdiam! “Vaidade das vaidades, tudo é vaidade”

Mas comemoramos a solenidade do Padroeiro da Santa Igreja Católica!

Estivemos reunidos novamente na fé, pedindo pela volta das Igrejas, em repúdio a Campanha de sacrilégio da CNBB, rezando a Via Sacra publicamente e encerrando a Novena do Glorioso São José. Não queremos aparecer para televisão, mas viver para Cristo, Nosso Senhor! Um belo momento, muitos fiéis relataram sua tristeza em mais um ano sem a festa de São José, abandonados pelo Clero de BH; Clero submisso as vontades civis mundanas. São José, como que nos abraçando, nos trouxe fiéis que distribuíram lembranças de uma festa que não tiveram, ganhamos flores e muitas pessoas agradecendo a ocasião.

Rezamos também o Terço, como podem ver sob as grades de um Santuário, no ano do Padroeiro e no dia de sua festa… vimos idosos, crianças, adultos, todos emocionados e de grande fé, e onde esta o Clero abraçando estas almas?! Estas são algumas fotos de hoje. Estivemos no bom combate demonstrando nossa fé e devoção, de maneira simples, sem muita pompa e vaidade; mas com imensa fé, lá dentro sobrava pompa e vaidade mas faltava fé! Clamamos pela conversão destes e piedade de São José a eles. Pouco conhecido, mas São José também esteve no milagre de Fátima. E nada nos impele mais hoje quanto o apelo de Fátima: “Não ofendam mais a Deus Nosso Senhor”.

E ele, São José, o maior de todos os santos lá esteve e hoje também conosco! Recebemos como lírios de sua pureza flores laranja hoje, várias lembranças da festa, Novena, Ladainha, Via Sacra, Terço… e apesar da omissão dos que mais deveriam amar, nos alegremos com o Glorioso Patriarca de amor, porque ele foi exaltado em sublimidade sem igual e obteve tamanha graça, como ninguém mais, e assim para a glória de Deus e para toda Santa Igreja e nosso bem! Nos alegremos por este dia solene deste Santo tão grandioso e modelo para todos nós!

Viva São José!

Veja algumas fotos e vídeos: