Na Polônia, monumento de Jesus é profanado por bandeira LGBT e símbolo anarquista

Rezemos por estes atos demoníacos!

Anarquistas e militantes do “orgulho gay” profanaram um monumento de Jesus carregando a cruz ontem, em Varsóvia, na Polônia. O grupo colocou uma bandana com um símbolo anarquista no rosto de Jesus e uma bandeira de arco-íris na cruz.

Os fotojornalistas JohnBoB e Sophie Art confirmaram a autoria do ataque. O grupo também colocou bandeiras de arco-íris em várias outras estátuas da cidade.

Eles chamaram a bandana anarquista de “lenços de poder”.

Decidimos agir“, diz o post. “Enquanto a bandeira tornar alguém pior e “inadequado”, prometemos solenemente provocar. Desculpe… ninguém dirá que a bandeira polonesa é inapropriada e ofende alguém… Quando mais leis são tiradas de nós, o destino pesa sob os lenços de poder“.

“Este é o nosso chamado para a batalha. Por quanto tempo adormeceremos pensando que nada vai mudar de todo jeito. Levará muito tempo para lembrá-lo de que existimos. Que você não está sozinho. Esta cidade também é nossa. Lute.”

A política polonesa Beata Szydło falou sobre a profanação e disse que o ato deve ser condenado por todos!

Em um tweet, ela afirmou: “Ativistas LGBT pedem respeito para si, mas acontece que eles não têm respeito por lugares e monumentos de santos para os poloneses. A profanação da figura de Cristo em frente à Basílica da Santa Cruz em Varsóvia é um ato que deve ser condenado por todos nós“.

Fonte: pt.Churchpop.com

Veja algumas fotos:

Curta nossa Página: